28 janeiro 2017

Permita-se


Normalmente tenho lemas pessoais para o ano e acabo intitulando eles. Como "o ano da mudança" ou "o ano das primeiras vezes". São lemas que servem de propósitos e que seguem seu curso de maneira literal e metafórica, além de estarem abertos a interpretações.
***
Permitir-se é está disposto. É assumir que não sabe fazer alguma coisa, mesmo que simples, e começar a aprender sobre ou a fazer algo ou a pedir ajuda, a ser ajudado, a presenciar coisas que você se negou ou da qual você não gosta e as vezes nem sabe o porque.
Claro que essa frases de efeito não definem como ano vai ser, não significa que "esse ano vai ser diferente", mas que eu faça minha vida diferente a cada dia. Até porque minha noção de tempo não é a mesma sempre.
Tem anos que terminam em novembro ou começa em julho, porque acontece tanta coisa que parece que você entrou num guarda roupa para Nárnia e acabou parando numa cena de Interestelar. Só para ilustrar o nível da coisa.



Nenhum comentário:

Postar um comentário